Basta apenas cortar carboidratos?

Sim, mas não somente a redução do carboidrato fará esse milagre. O segredo é moderar na quantidade e preferir as versões com fibras. “Elas são importantes para reduzir o índice glicêmico do carboidrato”.
Exemplo: massas integrais demoram mais para virar açúcar no sangue. Isso evita a produção excessiva de insulina, o hormônio que induz o estoque de gordura corporal.
Porém não é isso que vemos na prática.
As pessoas estão cortando os carboidratos radicalmente, consumindo uma quantidade excessiva de gorduras inflamatórias (como carnes vermelhas, produtos industrializados como creme de leite e iogurtes), além do pior, cortando frutas e alguns legumes, apenas porque consideram serem ricas em carboidratos.

Sabemos hoje que um grande aliado que temos contra a obesidade é a atividade física. Como mostra o link (https://bdtd.ucb.br/index.php/RBCM/article/viewFile/4769/3381 ) abaixo a atividade física age como um potente anti-inflamatório auxiliando no processo de emagrecimento.
O texto cita também que o consumo de gorduras estão associados a obesidade, eu concordo, porém não é toda a gordura não.
Gorduras como azeite de oliva, abacate, coco fruta, açaí puro, azeitonas e oleaginosas, são amigas do peso, se consumidos de uma forma adequada.
Qual é a minha orientação para isso.
Hoje temos uma infinidade de farinhas que podem ser utilizadas na gastronomia e que que auxiliam muito na manutenção ou redução do peso, como por exemplo: as farinhas de oleaginosas, farinha de coco, de banana verde, de casca de maracujá, de semente de linhaça. Se você ainda não sabe usar comece assim, se sua receita pede 2 xícaras de farinha de trigo, substitua ½ xícara de farinha de trigo, por uma dessas farinhas citadas acima.
Outra dica, se você adora banana, e sabemos que é uma fruta com alto teor de carboidratos, não precisa excluir, apenas coma a cada 2 dias por exemplo.
Se você ama arroz e não fica sem, então não fique. Quando for fazer seu arroz seja ele branco ou integral, use 1 xícara de arroz + 1 xícara de cenoura ralada, ou de brócolis ou couve-flor picados, adicione junto na água de cozimento. Os legumes vão deixar o seu arroz mais “magrinho”.
Não se prive, apenas aprenda dicas novas e seja feliz. Ah e pratique atividade física regularmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2018 Saúde e Sabor Funcional. Todos os direitos reservados.
 Site desenvolvido por DVsmall Agência Digital
facebook-squareyoutube-squareinstagram